Acesse!


BRPRESS NO TWITTER

FOTOGRAFIA - Black is beautiful: juventude negra em foco
Seg, 27 de Julho de 2020 12:06

Retrato integrante da série The Black House, em Londres, 19...

(Londres, brpress) - “De todo o meu trabalho, o que tenho mais orgulho é o da The Black House”, diz o fotógrafo britânico Colin Jones. Aos 83 anos, ela se refere às imagens que ele fez em um albergue para jovens negros na Holloway Road, norte de Londres, que é tema de exposição virtual e bate papo na galeria Michael Hoppen.

A série de retratos captura um momento significativo da história social britânica e as imagens continuam ressonando, quase meio século depois – no movimento global Black Lives Matter e no Julho Negro, no Brasil. São fotos foram originalmente encomendadas pela Sunday Times Magazine, a revista do jornal britânico Times, em 1973.

Jones desenvolveu um relacionamento com os habitantes da Black House e foi convidado a voltar pelos moradores. Voltou muitas vezes para documentar essa comunidade. "Eu senti que era uma coisa tão boa de fazer", diz ele.

Tensão racial

"Percebia que muitos garotos eram fascinados pelo movimento Black Power. Eles também falavam muito sobre lar, família e identidade”, comenta. “Às vezes eu costumava ir lá e não tirar fotos porque a atmosfera era muito tensa. No final, eu estava dando carona aos jovens de e para o tribunal. Eu ainda vejo alguns deles”.

A série Black House também foi publicada em uma monografia, em 2006, e um grande grupo de impressões foi exibido na Tate Britain em 2017, como parte da mostra Stan Firm Inna Inglan: Black Diáspora in London, 1960s-1970s. 

Nas décadas seguintes, Jones foi convidado a fotografar casamentos, funerais e outros eventos importantes ligados à comunidade negra londrina. Mas continuou com seus registros da vida cotidiana na Casa Negra. “Era um lugar de acolhimento”, define o fotógrafo.