Acesse nosso conteúdo

Populate the side area with widgets, images, and more. Easily add social icons linking to your social media pages and make sure that they are always just one click away.

@2016 brpress, Todos os direitos reservados.

Bebidas podem agravar problemas respiratórios. braha.orgBebidas podem agravar problemas respiratórios. braha.org

Consumo agrava alergias

(brpress*) - Beber álcool pode causar ou piorar problemas respiratórios, principalmente em mulheres.

(brpress*) – Estudos descobriram que o álcool pode causar ou agravar os sintomas da asma e febre do feno, como espirros, coceira, dores de cabeça e tosse. Cerveja, vinho e bebidas alcoólicas contêm histamina, produzida por leveduras e bactérias durante o processo de fermentação. Histamina é o produto químico que desencadeia os sintomas alérgicos. Vinho e cerveja também contêm sulfitos, outro grupo de compostos que provocam sintomas de asma e outras alergias.

Em um estudo realizado na Suécia em 2005, cientistas pesquisaram milhares de pessoas e descobriram que, comparados com a população em geral, aquelas com diagnóstico de asma, bronquite e febre de feno eram muito mais propensas a experimentar espirros, coriza e sintomas das vias aéreas inferiores, depois de uma bebida.

Vinho tinto e vinho branco foram os mais frequentes causadores de sintomas alérgicos. E as mulheres, por razões desconhecidas, foram cerca de duas vezes mais suscetíveis ao problema que os homens.

Outro estudo com milhares de mulheres, publicado na revista Clinical and Experimental Allergy em 2008, constatou que mais de dois copos de vinho por dia quase duplica o risco de sintomas de alergia. E isso, mesmo entre as mulheres que estavam livres de alergias sazonais e crônicas no início do estudo.

Esses estudos ajudam a procurar outros alimentos que não contenham histamina, como queijos maturados, alimentos em conserva ou fermentados, como pão, maçã e uva.

(*) Com informações do SisSáude

Comentários

Publicar Comentário