Acesse nosso conteúdo

Populate the side area with widgets, images, and more. Easily add social icons linking to your social media pages and make sure that they are always just one click away.

@2016 brpress, Todos os direitos reservados.

Valei-nos, São Patrício!

(São Paulo, brpress) - Saint Patrick's Day ganha celebração ao ar livre na tarde de sábado, com DJ, comes e, claro, bebes. Por Juliana Resende.

(São Paulo, brpress) – Que o Dia de São Patrício está cada vez mais pop em algumas capitais do Brasil é fatc. Mas que a criatividade brasileira tem sido usada para inovar o Saint Patrick’s Day – dia universal do porre e do santo padroeiro da Irlanda – é novidade. Assim será quando o DJ começar a tocar em plena luz do dia na Vila Madalena, no sábado (15/03) à tarde, na festa da Praça Tag & Juice.

    É bom lembrar que muitos pubs já começam a “bebemorar” a data – dia 17/03, que este ano cai numa segunda-feira – na sexta (14/03). Ou seja: é chopp verde (com tinta da cor da Ilha Esmeralda)  pra Leprechaun (aquele simpático duende irlandês de chapéu esverdeado e barba ruiva) botar defeito.

Open air

    Ao contrários dos pubs que vão se basear em oferecer bandas e chopp verde, além de um enxame de gente formando filas e se espremendo nos balcões (não exatamente sinônimo de diversão), a Tag & Juice aposta numa sunset party ao ar livre e,  além de cerveja, oferece uísque Jameson e comidinhas do chef Checho Gonzales.
   
    Vai ter banda também, a Inky. Mas o set do Adriano Cintra dá um toque mais contemporâneo à celebração, em clima de rave diurna, começando às 16h indo até às 21h. E o melhor: a praça é do povo e não há cobrança de entrada.

Espaço direfernciado

    A Tag & Juice é uma loja-conceito, já adotada como ponto de encontro na Vila Madalena – ainda mais depois de alugar um terreno baldio de 250 m² para transformá-lo num espaço de convívio, que virou a Praça Tag & Juice.  “A ideia veio do mesmo impulso que nos fez abrir a Tag and Juice: encontrar um lugar onde gostaríamos de ir passar um tempo sem o intuito inicial de consumir. Por que não estendermos o nosso conceito de compartilhar em um terreno que inicialmente ninguém tinha interesse?”, explica Pablo Gallardo, um dos sócios.

    Na contramão da feroz especulação imobiliária de São Paulo, a Tag & Juice viu no terreno baldio, logo na frente, uma oportunidade, não de construir ainda mais muros, mas de abrir um espaço para que possa ser usufruído livremente.

Iniciativa frutífera

    Enquanto o poder público tem entregado terrenos, que poderiam ser transformados em parques e praças, para a construção de gigantes condomínios residenciais ou shoppings, a Tag & Juice, com recursos próprios, cria um ambiente que pode ser utilizado como local para encontrar amigos, para ler um livro, simplesmente contemplar as belezas do bairro da Vila Madalena e até mesmo saborear frutas in natura, já que a praça conta com pés de pitanga, jabuticaba, manga e goiaba.

    “A praça surge com a proposta de criar um gap na rotina de quem vive ao redor: parar um pouco, sentar, comer um sanduíche, tomar um suco, olhar ao redor, respirar um pouco, tomar fôlego e continuar”, sugere  Gallardo, após a retirada de sete caçambas de entulho do terreno. Vale um brinde à iniciativa. Que São Patrício abençoe!

(Juliana Resende/brpress)

Veja fotos do Saint Patrick’s Day na Irlanda no Facebook da brpress.

Praça Tag & Juice – Rua Gonçalo Afonso, 99, Vila Madalena

Juliana Resende

Jornalista, sócia e CCO da brpress, Juliana Resende assina conteúdos para veículos no Brasil e exterior, e atua como produtora. É autora do livro-reportagem Operação Rio – Relatos de Uma Guerra Brasileira e coprodutora do documentário Agora Eu Quero Gritar.