Acesse nosso conteúdo

Populate the side area with widgets, images, and more. Easily add social icons linking to your social media pages and make sure that they are always just one click away.

@2016 brpress, Todos os direitos reservados.

Uma das imagens da série sobre a morteUma das imagens da série sobre a morte

Imagens da morte anunciada

(Londres, brpress) - Cartas de suicídio e documentos forenses são destaque no trabalho do Edgar Martins, primeiro português vencedor do Sony World Photography Awards. Conversamos com ele.

(Londres, brpress) – Tendência predominante nos trabalhos apresentados no Sony World Photography Awards (SWPA) 2018, contar uma história por meio de fotografias deixou de ser uma premissa do fotojornalismo. Esse é um dos  fatos constatados pelo curador da competição, Mike Trow, ex-editor de Fotografia da Vogue britânica, ouvido pela brpress na abertura da exposição com o finalistas e vencedores da competição, em cartaz na Somerset House, em Londres. Vai nesse sentido, o trabalho do fotógrafo Edgar Martins – o primeiro português vencedor do SWPA, na categoria Natureza Morta –, sobre a morteSilóquios e Solilóquios sobre a Morte, a Vida e outros Interlúdios.

Residente em Bedford, Inglaterra, Martins produziu esta série de imagens nos arquivos do Instituto Nacional de Medicina Legal e Ciências Forenses, a partir de materiais relacionados com homicídios e suicídios, quer fossem notícias de jornais, relatórios de autópsias ou cartas de despedida. As fotos exploram um misto de revelação e ocultação. “A série procura refletir sobre as tensões e as contradições inerentes à representação da morte violenta e o papel da fotografia na sua percepção e inteligibilidade”, diz ele, em entrevista exclusiva à brpress. 

(Colaborou Geraldo Cantarino, especial para brpress)