Acesse nosso conteúdo

Populate the side area with widgets, images, and more. Easily add social icons linking to your social media pages and make sure that they are always just one click away.

@2016 brpress, Todos os direitos reservados.

Molly Goddard com vestindo um de seus vestidos e com mais deles ao fundo na London Show Rooms SS16Molly Goddard com vestindo um de seus vestidos e com mais deles ao fundo na London Show Rooms SS16

Molly Goddard veste ‘fada’ hipster

(Londres, brpress) - Vestidos de tule em cores cítricas deram à estilista inglesa o prêmio de Emerging British Talent, no Fashion Awards 2016. Por Juliana Resende.

(Londres, brpress) –  O enredo conta – e muito. Mas os vestidos em tule de Molly Goddard também são parte importante do encantamento que deu a ela o prêmio Emerging British Talent, no Fashion Awards 2016. É um dos mais prestigiosos prêmios internacionais da moda – com forte sotaque britânico, é claro.

Molly Goddard foi logo notada pela reportagem da brpress durante o London Showrooms SS16 Paris, desdobramento da Londo Fashion Week na semana de moda parisiense. Sua coleção Primavera-Verão 2016 foi inspirada nos jardins ingleses e apresentada numa fábrica de sanduíches.   

A jovem estilista inglesa aposta numa roupa feminina com um quê de fada hispter – ainda mais acentuado com as botas de cano curto e sandálias de Penelope Chilvers, que fez parceria com Molly na coleção. É uma roupa etérea, com influências da Idade Média e todo o romantismo meio grunge que Molly captou em cores que vão do verde e rosa cítricos, ao chumbo e vermelho. 

Entre suas clientes e adoradoras está a modelo inglesa Agnes Deyn. Mas Molly gosta de mostrar suas coleções em pequenos eventos, com amigos desfilando e araras para serem remexidas.

(Juliana Resende/brpress) 

Veja o desfile da coleção Primaversa-Verão 2017 de Molly Goddard:

Juliana Resende

Jornalista, sócia e CCO da brpress, Juliana Resende assina conteúdos para veículos no Brasil e exterior, e atua como produtora. É autora do livro-reportagem Operação Rio – Relatos de Uma Guerra Brasileira e coprodutora do documentário Agora Eu Quero Gritar.