Acesse nosso conteúdo

Populate the side area with widgets, images, and more. Easily add social icons linking to your social media pages and make sure that they are always just one click away.

@2016 brpress, Todos os direitos reservados.

Paula Lavigne: voto de confiança a Regina Duarte mediante a lista de reivindicações. Foto: Stefano MartinsPaula Lavigne: voto de confiança a Regina Duarte mediante a lista de reivindicações. Foto: Stefano Martins

Para Paula Lavigne, Regina Duarte na Cultura é ’redução de danos’

(Rio de Janeiro, brpress) - “Ela é de direita mas não é nazista. Acho que na situação de desmonte total da cultura que estamos vivendo, ter Regina Duarte pode ajudar”, empresária e produtora, ao enviar lista de pedidos à atriz.

(Rio de Janeiro, brpress) – É como a empresária e produtora Paula Lavigne, mulher de Caetano Veloso, define o convite de Jair Bolsonaro a Regina Duarte para a Secretaria de Cultura. “Ela é de direita mas não é nazista. Acho que na situação de desmonte total da cultura que estamos vivendo, ter Regina Duarte pode ajudar”. 

As duas chegaram a trabalhar juntas na TV Globo e Paula, à frente de ONGs Procure Saber e 342 Artes, apresentou uma lista de pedidos à atriz como: “Trabalhar pela recomposição do orçamento da cultura, permitindo que as instituições culturais funcionem efetivamente em prol da sociedade brasileira”. 

Pode ser pedir muito a um governo que tem inclinações fundamentalistas, é afeito à censura e, como se provou nas atitudes de Roberto Alvim, ex-secretário de Cultura, e ao nazismo. A lista é grande e certamente soa como pedir demais a alguém alinhado à ideologia de Bolsonaro e cia:

  • REVISÃO DE NOMEAÇÕES DE CARGOS E CHEFIAS
  • -Que revise todas as nomeações para órgãos fundamentais, como a Funarte, a Fundação Palmares, a Fundação Casa de Ruy Barbosa, a Ancine, o Iphan, e em diversos postos de comando da Secretaria da Cultura, valorizando os pesquisadores e técnicos dessas instituições.
  • DIREITOS DOS ARTISTAS
  • Que batalhe pelos direitos dos artistas, dos diretores, dos autores, dos compositores e de todos os que produzem arte e cultura no Brasil.
  •  SEM CENSURA
  • Que se assegure a liberdade de expressão, de pensamento e de fé, sem “filtros” ou “curadorias” na condução das políticas públicas de cultura.
  • AVESSO DO AVESSO
  • Que promova uma revisão completa do desmonte da cultura brasileira que vinha sendo promovido por seu antecessor.
  • Que cancele o projeto de cultura dirigida que foi anunciado.

Comentários

Publicar Comentário