Acesse nosso conteúdo

Populate the side area with widgets, images, and more. Easily add social icons linking to your social media pages and make sure that they are always just one click away.

@2016 brpress, Todos os direitos reservados.

FOTO – Escritora Anne Rice deixa o cristianismo por diferenças ideológicas. api.ning.comFOTO – Escritora Anne Rice deixa o cristianismo por diferenças ideológicas. api.ning.com

A ‘religião’ de Anne Rice

(brpress) – Escritora deixa cristianismo por não concordar com dogmas da igreja a respeito de controle de natalidade, homossexualidade e ciência.

(brpress) – O hit do REM, Losing My Religion, é a trilha sonora perfeita para o atual momento da autora de sucesso Anne Rice (Entrevista com Vampiro). Doze anos após se converter do ateísmo ao cristianismo, sua crença de infância, Rice abandonou a religião, devido às atitudes da mesma em relação ao controle de natalidade, homossexualidade e ciência.

Rice postou uma mensagem em sua página do Facebook em que diz: “No mesmo nome de Cristo, eu me recuso a ser antigay. Recuso-me a ser antifeminista. Recuso-me a não aceitar o controle artificial de natalidade. Recuso-me a ser antidemocrata. Recuso o humanismo antilaico. Me recuso a ser anticiência. Recuso-me a ser antivida. Em nome de Cristo, eu deixo o cristianismo sendo cristã. Amém”.
 
A conversão ao cristianismo da autora de uma série de livros sobre o vampiro Lestat, que chegou aos cinemas com Tom Cruise e Brad Pitt, causou consternação entre antigos fãs, enquanto cristãos questionavam a moralidade de seus livros.