Acesse nosso conteúdo

Populate the side area with widgets, images, and more. Easily add social icons linking to your social media pages and make sure that they are always just one click away.

@2016 brpress, Todos os direitos reservados.

FOTO - Vida de Estagiário é uma das três minisséries escolhidas pelo FICTV.DivulgaçãoFOTO – Vida de Estagiário é uma das três minisséries escolhidas pelo FICTV.Divulgação

Ainda é tempo de vacinar

(brpress) – Para quem perdeu prazo, ainda será possível tomar dose da vacina até 07/05, em campanha paralela a de vacinação da gripe comum.

(brpress) – Quem perdeu o prazo para a vacinação contra a gripe suína,  a H1N1, ainda poderá ir aos postos de saúde até o dia 07/05. Assim, a quarta etapa da campanha, que foi iniciada nesta semana para idosos com doenças crônicas, também receberá gestantes, doentes crônicos de outras faixas etárias, crianças de seis meses a menores de dois anos e jovens de 20 a 29 anos.

Embora a epidemia de gripe suína não tenha acontecido como previsto pelo Organização Mundial de Saúde (OMS), a meta da campanha é atingir 62 milhões de pessoas até o dia 07/05, imunizando, pelo menos, 80% dessa população. “Estamos chegando a 40 milhões de pessoas vacinadas, e o balanço é positivo. Se considerar os grupos populacionais que estão sendo vacinados agora, temos uma cobertura de 60%”, afirmou o ministro da Saúde, José Gomes Temporão.

Proteção gratuita

Ele reforçou que a vacina é gratuita, segura e a única certeza de proteção para a população que tem o sistema imunológico mais fragilizado ou tem mais risco de ter as formas grave da doença – incluindo portadores do vírus HIV.

A mobilização contra a gripe H1N1 ocorre em paralelo com a ação de vacinação contra a gripe comum, direcionada apenas a pessoas com mais de 60 anos. Ela está dividida em dois momentos:

1 – Nas regiões Norte e Sul, foi iniciada no último sábado (24/04) e segue até o dia 07/05.

2 – Para o Sudeste, Nordeste e Centro-Oeste, pelo atraso na entrega da vacina pelo Instituto Butantã, o início da campanha foi adiado para o dia 08/05 e segue até 21/05. Na vacinação contra a gripe comum, serão vacinadas apenas os idosos, pois são as mais afetadas pelos vírus causadores da doença.

Atenção

No ano passado, dos 2.051 óbitos registrados, 1.539 (75%) ocorreram em pessoas com doenças crônicas. Entre as grávidas (189 morreram, ao todo), a letalidade foi 50% maior que na população geral.

Adultos de 20 a 29 anos concentraram 20% dos óbitos (416, no total). E as crianças menores de dois anos tiveram a maior taxa de incidência da doença no ano passado (154 casos por 100 mil habitantes).